Danças de Salão

Picture
A Dança de Salão é uma das actividades mais completas em termos físicos e psicológicos, proporciona e fomenta uma interacção entre pessoas e um espírito de equipa que se torna francamente positivo e benéfico.

A Dança de Salão refere-se genericamente a um grupo de danças efectuadas a par, com origem no mundo ocidental, e que actualmente são praticadas tanto em contexto social como competitivo, pelo mundo inteiro.

No passado, as danças de salão eram as danças sociais que deveriam ser dançadas pelos mais privilegiados, ao contrário das danças "folk" (populares) das classes sociais mais desfavorecidas.

No uso mais comum do termo, as danças de salão referem-se às dez danças integradas no International Standard e International Latin, ou como também são conhecidas, as Clássicas e as Latinas. As Danças Clássicas são cinco: a Valsa Inglesa, o Tango, a Valsa Vienense, o Slow Foxtrort e o Quickstep. As Danças Latinas são igualmente cinco: Samba, Cha Cha Cha, Rumba, Passo Doble, Jive.

História


As primeiras danças sociais, como eram chamadas as danças em casais, de que temos notícia, nasceram com os mestres da Renascença. A Idade Média foi um período em que a dança, considerada pagã pelo clero foi condenada e proibida; somente no início do período chamado na história de Renascimento Cultural, é que começaram as manifestações sociais nas cortes dos reis e nobres. Com o passar do tempo, a dança de salão, foi-se profissionalizando, com a criação da Real Academia de Música e Dança pelo rei Luís XIV, da França, não sendo, a partir daí, mais possível a participação de amadores dando espaço para qualquer pessoa aprender a dançar com objectivo cénico.

A popularização das danças sociais deu-se a partir do surgimento do minueto.




DANÇAS SOCIAIS E POPULARES ENTRE 1400 E 1650

·        Basse Danse

·        Saltarello

·        Piva


 

DANÇAS SOCIAIS E POPULARES A PARTIR DE 1650 ATÉ 1750

- O Minueto

- Passepied

- Bourrèe

- Sissonne

- Jiga

- Folia

- Alemanda

- Countrydanse (contradança)

- Cotillon

- Polonaise

- Krakoviak

 

Picture
No início do século XIX ocorreram muitas transformações nos estilos de dança social. O minueto desaparece e a Valsa começa a ser introduzida nos sofisticados salões europeus.

Os ingleses criaram a Ballroom Dancing através da Imperial Society of Teachers of Dancing.
Eles percorrem vários países para encontrar a síntese perfeita de cada ritmo e a maneira ideal para ensinar a Ballroom Dancing. Através dessa codificação foram criadas as primeiras competições. A intenção dos ingleses foi a de tentar unificar a dança social, criando uma síntese de cada ritmo de maneira a que se pudesse compilar e ensinar da mesma maneira em todos os lugares.

Características

Num âmbito generalizado podemos considerar como Danças de Salão as danças de pares, executadas normalmente por dois elementos do sexo oposto, com um ambiente musical específico. Apesar de existirem várias danças sociais, a organização competitiva de dez dessas danças, com início na primeira metade do século XX, fez com que se tornassem as mais populares internacionalmente, tanto a nível social como a nível competitivo.

Por apresentarem características diferentes tanto a nível técnico como a nível estrutural, encontram-se divididas em dois grandes grupos: as Danças de Salão Modernas e as Danças de Salão Latino-Americanas.



SABER MAIS: